Falsificação de moedas 

"Mas poxa, não é tão parecida assim pra confundirem"

Pra humanos não, mas em 2000 haviam 5.6 milhões de máquinas de refrigerantes no Japão. Era só colocar na máquina e pedir o troco, sem comprar nada.

Isso ocorre por que a moeda é depositada em uma pilha e ao pedir o troco, a máquina devolve a que está em baixo da pilha. Era só adicionar e pedir troco, até acabarem as moedas.

Algumas máquinas até detectavam a diferença, mas era só ajustar o peso dela com uma broca.

Mostrar conversa

Falsificação de moedas 

O Japão tem uma moeda de 500yen (R$24 ou $4). Ela entrou em circulação em 1982, sendo até hoje a moeda com maior valor de circulação.

Na década de 90 deu a maior treta por que na Coreia do Sul existe a moeda de 500won (R$2.4 ou $0.4). Elas tem tamanho e peso similar as japonesas, mas 1/10 do valor. O que aconteceu? Pessoas vinham da Coreia do Sul com malas cheias dessas moedas. Como são países próximos e pré-2001 era muito fácil pegar avião, ninguém ligava pra isso.

Djonga, violência 

Djonga: Fogo nos racistas!
Brancos: É isso aí!
Djonga: *bate em segurança que foi racista*
Brancos:

Hack da vida, encanamento do banheiro 

Se seu banheiro tem um cheiro de "esgoto" que não sai nunca. Verifique em baixo da pia se o cano da pia faz um "U", pro sifão.

Isso evita que o cheio do encanamento só vaso sanitário saia pelo ralo da pia.

Dizendo pq já é o segundo apartamento que eu moro que tinha esse "problema". E o primeiro era recém construído, demorei uns dias pra notar.
No atual também demorei, agora fico me perguntando se os antigos moradores só aceitavam o mal cheiro.

Print do :birdsite: 

Já diziam nos rap há décadas: Quem não tem valor, tem preço.

Mostrar mais antigos
bantu.social

Instância do Mastodon com foco em pessoas não-brancas brasileiras.